Preços altos do turismo interno estimulam viagens ao exterior

precos
O movimento grande de turistas brasileiros no exterior tem se refletido nas contas nacionais. Os gastos deles no exterior já são três vezes maiores do que as despesas dos visitantes estrangeiros no Brasil.

O paraíso existe e fica no Brasil. Mas passar férias lá, era caro demais para a família da empresária Carla Alexandre. “Fiz até um plano, um pacote pra ir para Fernando de Noronha para ver golfinhos, mas não fomos. Falei: ‘Meu amor, você vai ver golfinho em Orlando, que é muito mais barato”, conta.

E lá se foram, mãe, pai e as duas filhas gastar dólares no exterior. E contribuir para um desequilíbrio que preocupa os economistas.

Enquanto nos últimos cinco anos, os gastos dos visitantes aumentaram 15% aqui, as despesas dos brasileiros no exterior mais que dobraram.

A cidade mais procurada, tanto por turistas estrangeiros, quanto nacionais, é o Rio. Mas existem milhares de outras atrações no Nordeste, na Amazônia, no Sul, pelo Brasil todo. E, no entanto, o turista brasileiro vem gastando mais dinheiro lá fora do que aqui.

“A indústria hoteleira tem uma grande parcela de culpa nisso. Ou seja, ficar no Brasil é caro, duas a três vezes mais caro do que ficar no exterior”, avalia o economista Daniel de Plá.

“Você tem hotéis por US$ 80, só que são quádruplos, duas camas de casal, ou seja, uma pessoa vai pagar US$ 20 por noite. Isso não existe em nenhum hotel de 4 estrelas no Brasil”, compara George Irmes, presidente da ABAV-RJ.

De cada quatro pessoas que estão indo para o exterior pela primeira vez, pelo menos uma concluiu que seria mais caro viajar no Brasil.

Imóveis para Investimento

Encontre o imóvel ideal para seu investimento.

[Leia +]

Aluguel de Férias

Propriedades de clientes investidores para alugar.

[Leia +]

Imóveis Comerciais

Encontre o imóvel ideal para expandir seu negócio.

[Leia +]